1908 - Mangás imigrantes

R$ 28,00
Quantidade disponível: 100
Em 1990 as revistas de mangás ganharam popularidade no Brasil e infiltraram-se no cotidiano de estudos e leituras dos brasileiros, numa autêntica interação entre a cultura japonesa e a brasileira.

De forma artesanal, em preto e branco, muitas vezes com publicação independente, o mangá, adaptado para conteúdos ocidentais, adequou-se perfeitamente aos desejos do grupo envolvido.

Há cem anos, o contexto histórico do Japão, impulsionou 165 famílias a navegarem por mais de três meses a bordo do navio Kasato Maru. Numa viagem, cheia de dificuldades, enfrentando o medo comum de quem deixa suas raízes familiares, seus costumes culturais, para integrar-se num mundo estranho em relação à alimentação, linguagem, costumes e comportamento socioculturais, os japoneses chegaram e se fixaram ao longo das trilhas do café, desenhadas no Estado de São Paulo. Até 1970, 250 mil imigrantes japoneses fixaram-se no Brasil. Não tinham consciência da história que estavam construindo e que seria resgatada num futuro próximo.

Atualmente, representam uma classe laboriosa e atuante em todas as áreas do conhecimento. Vieram para retornar, mas se apaixonaram por esta terra e aqui ficaram. Hoje são brasileiros de coração!

 

Informações adicionais

Autor Terezinha Zanlochi
Formato 21x28cm
Páginas 68
Acabamento Brochura
ISBN 978-85-7917-067-6
Ano de Publicação 2010
Edição 1
Sobre o autor Terezinha Santarosa Zanlochi, licenciada, mestra e doutora em História Social pela USP/SP, Coordenadora do Núcleo de Documentação e Pesquisa Histórica da Universidade Sagrado Coração - Bauru, SP. Professora de História da Universidade Sagrado Coração, por 35 anos. Publicou diversos artigos em revistas científicas. Publicou vários livros, entre eles, Padres Rebeldes: O Caso de Botucatu; Trilhas da Cristandade: A Igreja Católica em Bauru, Mulheres Leigas na Igreja de Cristo e o Catálogo Rodrigues de Abreu. Atualmente, realiza pós - doc na Puc/SP.
• Prazo para postagem:
• Código do produto: 4058BD
• Quantidade mínima: 1
Veja também